Venda de refinaria abaixo do valor de mercado gera atrito

Compartilhe;

Ao ser informado de que a Petrobras quer vender a Refinaria Lubnor por um valor muito abaixo do preço de mercado, o prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT) determinou à Procuradoria Municipal que a empresa seja oficiada para prestar esclarecimentos sobre a negociação e se foram considerados os aspectos do Plano Diretor e da lei de uso de ocupação do solo de Fortaleza. A refinaria está instalada na capital cearense desde a década de 70, “Não vamos admitir que a cidade seja prejudicada com essa venda. Estou trabalhando administrativamente e juridicamente para evitar esses danos”, disse Sarto, se queixando que, além do prejuízo, a Petrobras concluiu a negociação sem autorização do município, que é dono de 30% do terreno onde a Lubnor está instalada. Segundo ele, o município cedeu esse terreno 50 anos atrás para uma empresa pública, tendo em vista o interesse público, o desenvolvimento da indústria e da economia regionais.


Compartilhe;