Morre de Covid-19 o vigia João Nunes, da UEM

Compartilhe;

O vigia João Nunes tinha 71 anos

Morreu no final da tarde de ontem o agente universitário operacional João Nunes Filho, da UEM. Ele era vigilante patrimonial da instituição, aposentado. Estava intubado por causa da Covid-19, no Hospital Metropolitano, em Sarandi. Tinha 71 anos. João foi pintor antes de se tornar vigilante. “Era uma pessoa maravilhosa, sempre empenhado, sempre pra frente, era outro que não tinha tempo ruim”, relata uma servidora da UEM. Além de João, a filha e a esposa também se contaminaram, mas apenas ele teria desenvolvido sintomas mais graves. Como vigilante, João trabalhou em vários setores do câmpus, inclusive na Reitoria.  (atualizado às 8h26)


Compartilhe;