Momento sublime, com a participação de Tania Tait

Compartilhe;

O Coro Escola Universitário da UEM acaba de lançar um vídeo interpretando a Cantiga de Santa Maria nº 37, com arranjo dedicado especialmente para este coro por Yuri Prieto. A direção musical é da professora Andréia Anhezini, do Departamento de Música e Artes Cênicas da UEM, que também rege o CEU. A edição de áudio e vídeo é de Lucas Machado. Os ensaios e as gravações foram feitos no formato online durante a pandemia. Professora, escritora, integrante da ONG “Maria do Ingá Direitos da Mulher”, Tania Tait faz parte das cantoras do naipe Contralto. Versátil, ela, que se aposentou da UEM como docente do Departamento de Informática, também é graduada em jornalismo. Contralto é o tipo de voz feminina mais baixo e pesado, com a mais grave tessitura e também a mais rara. Cantoras contraltos de óperas são raras e a literatura operística contém alguns papéis escritos especificamente para elas. “Cantigas de Santa Maria” foi um gênero entre o sacro e o secular no século XIII. Contam histórias dos milagres de Santa Maria. Foram compiladas pelo Rei Alfonso X, o Sábio, entre 1.280 e 1.284, e os textos escritos em galego-português. O vídeo anterior do CEU, “Trama”, foi selecionado para uma Mostra na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), ocorrida neste ano.


Compartilhe;