Família faz ‘vaquinha’ para tratar jornalista com Covid

Compartilhe;

Moradora de Arapongas, Adriana Roveri (foto), de 34 anos, está internada em Londrina há mais de duas semanas após complicações causadas pela doença. Familiares e amigos iniciaram uma campanha para pagar o tratamento particular de Adriana no enfrentamento à Covid-19. Faz 12 dias que ela está no Hospital do Coração, privado, para onde foi transferida de Arapongas devido à piora do quadro. Há sete dias, a jornalista deu entrada na UTI e ontem, sábado, ela foi intubada. A ajuda solicitada é para bancar as diárias. As doações podem ser feitas por PIX. A chave PIX é o número do celular da irmã da jornalista, Fernanda Riveri Alves: (43) 9 8841-14 85. Desde que Adriana foi internada, familiares se revezam no pagamento das diárias, cujo custo varia de R$ 9 a R$ 12 mil dependendo da medicação usada. Já na enfermaria, a média é de R$ 5 mil. Marido da jornalista, o web designer Alcir Tanno pede ajuda a quem possa colaborar com qualquer valor. “Não vamos ficar com nenhum valor além do necessário para pagar as custas médicas. Assim que ela sair, vamos encerrar a campanha”, diz.


Compartilhe;