Ações da data base são uma bomba relógio contra governo paranaense

Compartilhe;

A cada dia pipocam dezenas (ou seriam centenas) de ações judiciais sendo protocoladas ou na Justiça Comum ou na Fazenda Pública no Estado cobrando do governo Ratinho Junior (PSD) o pagamento dos reajustes da data base para os servidores públicos do Paraná, incluindo os das universidades. Reajustes estes que não são concedidos desde 2017, portanto há cinco anos. A tomar como referência o valor de cada ação individual, cujo cálculo correto vai depender do índice a ser adotado pelo juiz do caso, dá para apostar que o montante que baterá nos cofres do tesouro estadual será na casa de bilhões.


Compartilhe;